E ai? Afinal? Startups?

E ai? Afinal? Startups?

Modelo de negócios repetível e escalável, em um cenário de incertezas e soluções a serem desenvolvidas. 

Modelo de negócios tradicional ou digital e inovadora?

Não. Startup(s) não é um modelo de negócios novíssimo. 

Surgiu em 1960, mas teve seu Big Bang na década de 90 no famoso e notório berço de tecnologia conhecido como Vale do Silício/CA lá na terra do Tio San, aliás, local de nascimento de gigantes globais de TI como Apple Inc., Google, Microsoft, entre outras.

De fato, startup(s) é um termo que ainda está em alta e empreender é o sonho da maioria dos Brasileiros, mas é um erro comum na definição de startup(s) que elas sejam somente empresas de internet. 

Não. Nunca. Jamais. Mito. São mais frequentes na Internet porque é bem mais viável financeiramente e são facilmente propagáveis por serem online.

Bem, há bastante espaço para discussões e interpretações do significado real do que é uma startup(s), mas deixemos conceitos e definições de lado e partamos para a prática.

O que é um modelo de negócios?  

E um negócio escalável e repetível? 

O que pode ser considerado um cenário de incertezas?  

Esses fatores essenciais para uma startup e são tópicos recorrentes no ecossistema. No entanto, não são tão óbvios para quem não está familiarizado com o meio. 

Acompanhe-nos e ao longo de nossas publicações tentaremos elucidar tudo para vocês. 

#startups

#@JCPJ #direcionandosolucões  #otimizandoresultados

Deixe uma resposta